© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Bananas podres (parte 01)

April 12, 2017

Quantas bananas podres tem nesse cacho político denunciado pelo ministro Fachin? 

Sem apalpar muito, algumas delas já estão caindo do cacho. Prá mim, uma banana-podre 

é o Aécio. Ponho agora essa banana-Aécio no pódio porque me senti especialmente traído: ele me enganou na eleição disputada com a Dilma. Entrei na dele, escrevi posts defendendo-o, argumentei, gastei o meu crédito com as pessoas. Enfim, fui um otário e agora descobri que sou mesmo um otário. Mas vamos lá, olhe o que está acontecendo. 

"O juiz  Sérgio Moro derrubou hoje o sigilo nos depoimentos dos delatores da Odebrecht no processo que envolve Antonio Palocci na Lava Jato. O delator Marcelo Odebrecht, prestou depoimento nesta última segunda-feira. Ontem o ministro Edson Fachin do STF derrubou o sigilo das delações, o que permitiu que Moro divulgasse as imagens dos depoimentos. Segundo a denúncia do Ministério Público Federal, Palocci estabeleceu uma ligação com os altos executivos da Odebrecht com o objetivo de atender aos interesses do grupo diante do governo federal. Isso aconteceu entre 2006 e 2015. Nesse esquema, a interferência de Palocci teria se dado mediante o pagamento de R$ 128 milhões em propinas. Os recursos eram destinados principalmente ao Partido dos Trabalhadores (PT). O ex-ministro também teria participado de uma conversa sobre a compra de um terreno pra a sede do Instituto Lula, feita pela Odebrecht. A ação penal decorrente da Operação Omertà tem 15 réus, entre eles Palocci e  Marcelo Odebrecht. Palocci está preso desde setembro de 2016, na carceragem da PF, em Curitiba e responde por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.”

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Socialismo é estadolatria

January 23, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square