© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Estado Islâmico mata policial e mídia em Paris

April 21, 2017

Um atentado terrorista ocorreu na avenida Champs-Élysées, uma das áreas turísticas mais movimentadas de Paris. 

 

O terrorista matou um policial e deixou outros dois gravemente feridos. 

 

Imediatamente, a mídia começou a dizer que "tiros em Paris deixaram um policial morto e dois feridos". 

 

Sempre é assim que as coisas funcionam: quando o atentado é praticado por um terrorista islâmico, ocorre a despersonalização. Temos "caminhões que matam" e armas que disparam sozinhas. Stephen King perde. 

 

Mas eis que o Estado Islâmico não esperou passar nem algumas horas para reinvidicar a autoria do atentado. 

 

O assassino é Karim Cherfi, e pertence ao Estado Islâmico. Ele tinha 39 anos e foi morto após ter praticado o atentado.

 

Agora fica difícil para a mídia chamá-lo apenas de "atacante" ou dizer que "revólveres atiraram sozinhos". Ficaria mais fácil para a mídia se o Estado Islâmico decidisse reinvindicar a autoria do atentado apenas daqui uns 2 ou 3 dias. 

 

Assim, a mídia vai ficar chateada com o EL. Eles até colaboram com o EL. Mas o EL não colaborou com eles desta vez. 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

A Pandemia Covid-19 e a Nova Ordem Mundial

March 24, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square