© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Fachin recua e dá novo prazo para respostas de Temer; o ministro se precipitou

June 6, 2017

 

Edson Fachin (ministro do STF e relator da Lava Jato) havia dado 24 horas para que o presidente Michel Temer respondesse um questionário de 82 perguntas, que o relacionam com o episódio envolvendo suposto pagamento de propinas da JBS ao seu ex-assessor, Rodrigo Rocha Loures (PSDB-PR), preso no último sábado, além do áudio em que é gravado em conversas com o empresário Joesley Batista. 

 

Mas pelo que se nota, Temer deu uma de zoeiro. Deixou passar o prazo para responder as perguntas e logo em seguida... pediu novo prazo. Alegaram que Temer não teria tempo hábil de entregar as respostas e pediram para entregar as respostas na sexta ou no sábado. 

 

Não deu outra: no início da noite desta terça-feira, Fachin autorizou a prorrogação até às 17h de sexta-feira, pois acredita que a decisão não seria prejudicial às investigações. 

 

"Em análise pautada pelo princípio da razoabilidade compreendo possível deferir o pleito, especialmente considerando o número de perguntas formuladas, bem como o fato de que, em princípio, não adviria prejuízo à investigação a postergação do prazo anteriormente fixado", declarou Fachin. 

 

Ao que parece Temer deve ter pedido consultoria para Renan Calheiros sobre como avacalhar o STF. Mas tudo isso é culpa da precipitação do Sr. Fachin, que foi obrigado a recuar, principalmente ao ter dado um prazo excessivamente curto. Em suma: ele também facilitou. 

 

Mais juízo, gente...

 

Gostou?

curta nossa página www.facebook.com/areuniao

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

E o guerreiro Zé Mojica se foi

February 19, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square