© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Bad news, good news.

June 28, 2017

Quando vem notícias ruins no Face, em avalanche, pare tudo. Respire fundo, um-dois, um-dois. Aí o cérebro decanta melhor os fatos e você vai formar naturalmente um melhor  juízo das coisas.

 

A culpa desses pedaços de transtorno, para mim, não são só as bad news, em si. Mas os comentários. Tem muita gente idiota no pedaço. Esses burros e éguas vivem relinchando tolices, idiotices de montão e fico com vontade de mandar o Face à merda e pular fora. Daí então leio alguma coisa que me faz pensar e descubro, em maravilha, um irmão virtual. Fico com vontade de abraçar a pessoa.

 

Voltado no assunto das notícias ruins. Algumas considerações sábias: primeiro, nunca se sabe ao certo como vão evoluir os fatos na sequência, encadeadamente. Até um desbunde jurídico como o que salvou provisoriamente o Vaccari pode dar em algo bom. Ou o Fachin evocando para si quatro processos de delação, logo ele que é um ministro-petista. Um acontecimento dessa ordem pode, eventualmente, se sobrepor a tantos outros iguais, esgotando a paciência da sociedade. E aí pode surgir uma revolta, exigindo a deposição do atual STF. Quem sabe? O Fantasma sabe.

 

A evolução depende muito das guerras, todo mundo sabe disso. Na mornidão, tudo entra em coma. Outra chateação recorrente, é a invasão  de notícias fake na mídia virtual. Até isso pode resultar positivamente. Claro que ficamos meio aturdidos com tantas mentiras disfarçadas de verdades. Mas estamos aprendendo a reagir, identificando a malícia de certas notícias, comentários e sites. Vamos filtrando os que merecem nossa confiança.

 

E assim certamente chegaremos a 2018 mais afiados do que agora. A credibilidade é a chave das eleições de então. Os políticos sacanas e certos veículos de massa terão que se esforçar mais para nos enganar.

 

Como vêem, estou meio-a-meio otimista, que nem pizza, apesar do tiroteio. Não sei onde tantas armadilhas preparadas por políticos inimigos vão-nos levar. Mas apelo para a sabedoria popular, que diz “o que sobe, desce”. Outra pérola: “a moeda tem duas faces”.

 

Última bad news: a politicalha está apodrecendo rapidamente o Brasil. Portanto, vamos agitar, botando nosso bestunto para funcionar. Mas sem gifs, risadinhas rsrs, kkkk e frases do tipo “tudo farinha do mesmo saco”. Pelamordedeus. 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

O poder paralelo

November 16, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square