© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

O pai dos burros

July 15, 2017

De vez em quando um sociólogo mais lúcido afirma por aí o que quem acompanha a babilônica política brasileira já sabe:
Lula é o dono do PT.

 

A constatação decorrente é simples também:
O PT é um partido burro.

 

Ao contrário do PSDB, o partido dos indecisos que tem mais caciques do que índios, todos loucos por poder como o insosso Zé Serra, o PT sempre apostou todas as suas fichas num único candidato, seu grande e amado líder.


O erro é gigantesco. Hoje, sem nada além de um vigarista condenado como candidato, o partidão corre o risco iminente de ir para o buraco (ou a cadeia) com ele.
E com ele ser enterrado.


Além de Lula, o PT não tem nada.


Lula, pelo contrário, tem suas penosas e todo o staff da corja que gravita em torno do PT para protegê-lo, como consequência.


O PT, partido burro que é, é também refém de Lula. 
Mais do que merecidamente, diga-se de passagem.

 

Lula, macaco e vigarista velho que é, sabe muito bem disso desde sempre. Mas pouco importa.

O PT o protege, simplesmente porque não tem ninguém mais para proteger.


Lula, sociopata galopante, jamais se importou com algo ou alguém além dele próprio e de seus interesses.


Sentiu isso na pele o cumpanheiro Zé Dirceu, abandonado na cadeia pelo fiel e leal embusteiro.


Aliás, o PT e Lula tem um longo histórico de abandono de brothers pelo caminho.

Nem Marisa, a esposa, escapou da sanha oportunista dele.

 

Por certeza da impunidade, por acreditar num vigarista ou por burrice mesmo, o PT cometeu um erro que hoje lhe sai caro.


Mas, com certeza, será um funeral deluxe.

 

Lula merece. Enganou um país inteiro e mais a tropa que o segue, fielmente, para o caixão.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Pelé,Xuxa e Greta Thunberg

December 13, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square