© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Quem está surpreso com a omissão da JBS na delação premiada?

September 4, 2017

Por quase quatro meses, uma parte da direita resolveu abraçar a causa de Rodrigo Janot, Edson Fachin e Joesley Batista. Uma outra parte, muito mais cética, duvidava de tudo. 

 

Para início de conversa, as provas fornecidas por Joesley eram inconvincentes. Também temos o fato de que toda a negociação era suspeita. O acordo de impunidade fornecido pelo PGR a Joesley foi uma vergonha história. Era claro que Joesley protegia Lula e Dilma. Em suma, a quantidade de irregularidades saltava a olhos vistos. 

 

Agora vemos o próprio Rodrigo Janot abrindo investigação para apurar omissão de informações na delação da JBS. 

 

Janot diz que nos áudios há referências indevidas a integrantes da PGR e do STF. Não diga? Claro que tem treta aí...

 

Janot disse que há indícios de que o procurador Marcelo Miller teria cometido crime. 

 

Ele também disse que “a violação das cláusulas do acordo [de delação premiada] pode ensejar sua rescisão.”

 

“Se os executivos da JBS erraram, pagarão por isso. Não se pode ludibriar o Ministério Público e o instituto da delação premiada. Ninguém prevalece acima da lei", afirmou. 

 

Janot também lembrou que é muito grave um áudio em que dois delatores conversam sem saber que estavam gravando o próprio diálogo. Nada mais que quatro horas de bate papo. 

 

“Mas há citações que sugerem atos ilícitos na PGR e no Supremo, de forma clara e transparente.”

 

Outra coisa: o PGR diz que o possível cancelamento do acordo de impunidade não anula as provas, mas isso complica muita gente da mídia que fingiu que a manutenção da impunidade era "para salvar a Lava Jato". 

 

O caos está estabelecido, pois o ministro do STF, Marco Aurélio Mello, disse que agora toda a corte está sob suspeita: “O ruim é quando não se nomina esses possíveis mencionados, porque ficamos todos nós sob suspeita. O comum do povo vai imaginar que os 11 ministros estão envolvidos”. 

 

Que venha o caos institucional absoluto mesmo. Vai ser purificador...

 

Pergunta: como é que ficam as empresas vendidas pelos irmãos JBS e que não foram bloqueadas?

 

Algo dá a entender que o próprio Janot vai se enrolar nessa aí. 

 

Pelo menos eu nunca confiei em PGR nomeado por petistas e nem em empresário que fez fortuna ao se aliar ao PT. 

 

Quem confiou agora vai ter que pedir desculpas...

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Socialismo é estadolatria

January 23, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square