© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Aberta a temporada de caça aos votos

September 21, 2017

 

Apesar dos esforços de Michel Temer e Gilmar Mendes para evitar o encaminhamento de nova denúncia à Câmara dos Deputados, o STF acabou negando o pedido dos advogados de defesa de Temer.

 

A denúncia contra ele, portanto, estará nas mãos dos deputados.

É um novo capítulo do deprimente imbroglio patrocinado pelos brothers Ley, e como não poderia deixar de ser, deve deixar a politicalha da Câmara exultante.

 

Abre-se novamente, a partir de agora, o velho balcão de negócios de Brasilia, onde aos nobres deputados é permitido extorquir o governo federal em troca de seus honestos votos.

É a segunda edição, este ano, da Temporada de Caça aos Votos, patrocinado evidentemente pelo acusado Michel Temer.

 

A enorme quantidade de grana movimentada no infeliz evento tem uma singela destinação: a de privilegiar a ajuda aos políticos bacaninhas e com voto que livre a cara de Temer.

 

Numa teoria igualmente singela, essa grana iria para os municípios, cidades ou estados desses políticos, em benefícios para o povaréu.

Mas, como por aqui se sabe, grande parte acaba indo mesmo para o bolso da politicalha infame e descarada.

 

Assim, o comércio das denúncias é ótimo para os deputados.

 

A roda podre da política brasileira continua a girar como sempre girou: com denúncia ou sem ela, o despejo da grana jamais traz benefícios ao povo.

 

Os delírios otimistas dos futurólogos em economia não sensibilizam, por outro lado, os 13 milhões e pouco de desempregados, que querem trabalhar e não ver estatísticas furadas.

 

Nós, aqueles náufragos abandonados no meio do mar num veleirozinho mequetrefe, esperamos e esperamos por uma leve brisa que nos empurre pra frente e faça o barco andar.

Mas a brisa não vem.

 

Tudo parado, estagnado, mais imóvel do que governo de dilma pré impeachment.

 

Nem as gaivotas piam mais no céu, desanimadas.

 

PS:Considerações sobre críticas que recebi a respeito desse artigo:

Quando apontam que ignoro os "números otimistas" da economia do governo Temer, recomendo que leiam mais atentamente o que escrevi: "Os delírios otimistas dos futurólogos em economia não sensibilizam, por outro lado, os 13 milhões e pouco de desempregados, que querem trabalhar e não ver estatísticas furadas".Ora, não posso entrar num bando com um jornal e pagar minhas contas com 'estatísticas' escritas nele. No mínimo, o gerente vai achar que enlouqueci.Nem um cidadão desempregado pode ir hoje ao supermercado e usar como moeda previsões abstratas, ou o exercício de futurologia de economistas que quase sempre erram. E erram feio.O que os cidadãos querem é mercado de trabalho funcionando. Querem emprego e pra já, não num futuro remoto.E a realidade das ruas não bate com essas estatísticas. Todos sabem disso.Converso todo santo dia com empresários, com empregados e desempregados.Estranhamente -ou não- não vejo o tal 'otimismo' em lugar algum.Se pesquisa fajuta fosse realidade lula, o vigarista, já seria presidente por dez mandatos, no mínimo. Ou já estaria preso há cinco anos.Finalmente, quando recomendam que eu seja contratado por meirelles para que se faça o contrário do que afirmo...bom...existem duas impossibilidades gritantes nisso:Primeiramente, não sou economista nem medium.E segundamente minha genética não permite que eu cultive bandidos de estimação em meu jardim. E muito menos que trabalhe para eles.Quanto à economia, uma adivinhação: o que imaginam todos que acontecerá com a economia durante a análise das denúncias contra Temer na Câmara?Eu poderia desenhar de novo, mas vou deixar a imaginação de quem me criticou responder a isso...

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Ode aos babacas

December 5, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square