© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Trump X Kim.

September 25, 2017

 

Esqueçam a narrativa Trump X Kim. 
Ela é cortina de fumaça para que não se fale sobre o que realmente interessa, a aberração que é a Coreia Do Norte.

 

Hoje, lá, só aqueles acima de 60 anos conseguem ter algum resquício de lembranças do que é liberdade. As gerações de 50 anos pra cá já não sabem o que é isso, foram programadas.


A Coreia do Norte é o maior projeto de engenharia social que existe no mundo.

É o Comunismo na prática.

 

Desde a estatização dos meios de produção à aniquilação de qualquer liberdade individual e do próprio indivíduo.

Só os muito mais velhos recordam-se do que era o país antes da Guerra da Coreia. E só eles talvez consigam saber que estão vivendo uma distopia, mas até isso é pouco provável após décadas de retórica delirante incessante, expurgos, assassinatos e campos de concentração horrendos.

Talvez até tenham se esquecido que sua família foi separada e dissolvida no ano do fim da guerra.

 

Os mais novos já não tem mais conhecimento de nada senão daquilo que o Estado lhe diz ser verdade. 


Quando uma criança nasce ela passa a ser do Estado e o processo de doutrinação é desde bebê. 
Filho entregar pai por ter dito algo "errado" contra Kim ( e quaisquer um dos 3) é corriqueiro, não há Família que esteja acima do Partido e o tecido social é, portanto, inexistente.

 

O processo de engenharia social, de programação do indivíduo, é tão forte que muitas pessoas que conseguem fugir ( estes carregam, mesmo sem saber, o espírito da liberdade), não se adaptam a viver no mundo livre e tentam voltar ou cometem o suicídio.

 

Por exemplo: vocês lembram daqueles vídeos de milhares chorando e se debatendo quando o pai de Kim morreu? Muita gente achou que era fingimento ou por medo.

 

Mas não era!

 
Eles realmente estavam chorando pois foram programados a acreditar que Kim é o Deus na terra. O vagabundo que fundou a República comunista na Coreia do Norte, após a Guerra da Coreia e sua divisão, se intitulava o SOL. E cada um ali que chorava queria se mostrar mais devoto ao ditador que aquele que estava ao seu lado.

 

Se tudo vem do Estado, é natural que a subserviência alcance esse grau anti-humano.

 

Infelizmente, a imprensa não aproveita o momento de tensão para esclarecer do que se trata aquele país tenebroso que conseguiu permanecer com o comunismo ao pé da letra mesmo após o colapso da URSS ( que sustentava o regime ). 
Faz o oposto, e usa Trump para que o debate sobre a engenharia social que desumaniza e transforma seres humanos em anti-homens, robôs vazios preenchidos somente com a ideologia, que ocorre lá em pleno século XXI, nunca aconteça.

 

Mas vai acontecer. Através de nós.

 

É sobre liberdade e contra o Comunismo.

Esta deve ser a narrativa para acabar com aquela aberração.

 

E com aquele rolha de poço nojento.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Um táxi chamado Brasil

February 25, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square