© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Aureo, o deputado censor

October 6, 2017

 

Sonhando provavelmente que estava na Venezuela ou Coreia do Norte, um ilustre deputadozinho resolveu acabar, semana passada, com a liberdade na internet.

 

Como nenhum político dá ponto sem nó, o "general" da Câmara tinha lá suas razões escondidinhas.

 

O Anonymous, através de sua célula Anon H4, não deixou passar: invadiu o site do censor e deu luz à suas maracutaias.

 

A mensagem do Anonymous:

"Você provavelmente nunca ouviu falar do deputado Áureo, do Solidariedade, responsável pela emenda que tenta censurar denúncias contra políticos na internet. Em janeiro, o Extra publicou matéria sobre ele: "Após perder a disputa pela Prefeitura de Duque de Caxias e apoiar o vencedor Washington Reis (PMDB) no segundo turno, o deputado federal Aureo Lídio (SD) conseguiu cargos para a mãe, a mulher e a irmã na gestão do aliado. Uma das coordenadoras da campanha do deputado, a mulher, Aline Ribeiro, assumiu a Secretaria de Assistência Social", escreveu a célula. E seguem mais detalhes sórdidos do deputado.

 

O gajo, ao ser denunciado em publico, correu pra pedir a Temer

que desconsiderasse e vetasse a emenda.

E, choramingando, justificou infantilmente:"Fui mal entendido, dotô"!

 

Não, Aureo, não foi.

 

Censura é censura mesmo, por mais que agora você recue covardemente.

 

Cercear nossa liberdade de acusar a politicalha só tem mesmo esse nome, e será repudiada fortemente pela sociedade, como foi pela Associação Brasileira de Emissoras de Revistas, pela Associação Brasileira de Emissoras de Radio e Televisão, pela Associação Nacional de Jornais e toda a sociedade livre brasileira.

Repudiada e classificada justamente como ilegalidade.

 

Aliás, o tal deputado não é chegado a uma legalidade, basta se aprofundar no seu lamentável histórico.

 

Enfim, Temer, que não vai comprar essa briga de forma alguma, vetou a emenda, e ficou o dito pelo desaparecido.

 

Valeu, Anonymous.

Fica registrado: não mexam com nossa liberdade.

 

Não estamos na Venezuela, deputadozinhos.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

O homem do controle social

December 7, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square