© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

O candidato-macron

February 12, 2018

Empurrado por George Soros e pela redegrobo, tem um VASTÍSSIMO potencial para ser "o escolhido" - o que está sendo SUBESTIMADO pelos brasileiros. Em NENHUM momento o sr. Armínio Fraga, pessoa notoriamente ligada a Soros, deixou de ser visto acompanhando o sr. Huck. Este simples dado, FACILMENTE VERIFICÁVEL, indica que ele jamais deixou de ser uma probabilíssima "escolha" dos líderes globalistas bilderbergs para a obtenção do butim brasileiro.

Outro líder do nacional-socialismo no Brasil, o sr. Fernandenrique, TAMBÉM está publicamente mexendo pauzinhos: em suma, é ARQUI-ÓBVIO que o sr. Huck tem, por trás de si, A VONTADE e o PODER das grandes lideranças do globalismo ortodoxo.


Sempre o considerei como aqui descrevo, um fortíssimo candidato a esta "unção globalista" - sempre dentro da noção de que o Brasil NÃO TEM eleições, e sim DETERMINAÇÕES que botam pessoas em posições fundamentais, sendo a participação popular um zero à esquerda, uma farsa.

 

No entanto, a popularidade do "candidato" é importante, no sentido de "mascarar a fraude", e permitir que a massa, embora vagamente reclame dela, CONTINUE a não fazer nada a respeito, porque "não tem certeza" de que o "eleito" não terá sido de fato "eleito" - o que certamente aconteceria se ele fosse absolutamente e NOTORIAMENTE IMPOPULAR.
Então o "eleito por decisão da cúpula" obrigatoriamente DEVE ter um tipo de popularidade que RESPALDE a tramóia, e minimamente faça parecer aos manipulados que ele pode mesmo ter sido "eleito", AINDA que este não seja o caso.


Isto foi feito com a mocréia Rucéfi, é lógico - há meros quatro anos atrás.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Socialismo é estadolatria

January 23, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square