© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Ou nós ou eles

March 24, 2018

 

Como arrancar das cadeiras aqueles petistas que tomaram conta do STF? 

Eles estão parafusados lá. Os do STF podem ser desprezados, xingados, 

cuspidos - mas eles não vão deixar o poder. Eles se consideram os novos 

presidentes da república. O sistema que ponderava  os pesos da Justiça, Legislativo e Executivo na democracia, hoje pende forçadamente a balança da justiça para o lado deles, os que mandam na Lei.

 

Suas Excelências não vão abrir mão de sua posição de privilégio. 

Pois não existe impeachment para eles, que são vitalícios.

A votação do habeas-corpus do lula foi o limite que eles ultrapassaram no jogo de proteger os políticos petistas que votaram em seus nomes para fazer parte do STF. 

O palavreado jurídico indecifrável para os leigos escondeu em sua verborragia os reais motivos deles romperem com a própria Constituição, que manda prender o criminoso depois dele ser julgado em 1a. instância e recorrido na 2a. instância. 

 

 

Ficou clara a intenção dos Preclaros Juízes.

Para nós, aquele julgamento foi um golpe de estado e não um julgamento convencional, onde todos os brasileiros são iguais perante a Lei.

O STF vai continuar urdindo mais e mais manobras combinando interesses dos políticos, como aconteceu no caso do impeachment da Dilma, onde o Lewandovski e o Renan Calheiros maliciosamente manobraram para que a Dilma mantivesse preservados seus privilégios de ex presidente da república. Essa é a percepção geral do povo. 

 

 

O STF é uma instituição fundamental sobre a qual se apoia a democracia  evitando que a Lei se sirva da Lei para transgredir a própria Lei. 

 

Acima do STF só tem a força de um Estado de Direito que consiga corrigir

a si próprio, numa situação onde a moral pública e a democracia da Nação 

estejam postas em perigo.

Estamos vivendo essa excepcionalidade, agora. 

 

E se nossa sobrevivência não encontrar forças para enfrentar o perigo de 

uma ditadura armada nos últimos 14 anos pelo pt e seus cúmplices, 

corrompendo todas as instâncias do poder político, estaremos então no estágio final de implantação do comunismo.

 

O Brasil civil está à deriva e faz-se necessária uma Intervenção militar constitucional para repor o país nos trilhos.

 

Ou eles...ou nós.

 

 

Tags:

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Cracolândia em guerra

January 17, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square