© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

A vingança

March 30, 2018

Nêmesis é “a Deusa executora da punição dos Deuses, que lança por terra toda boa sorte descabida, refreia a presunção dos mortais e vinga os crimes extraordinários.”

 

Leia de novo essa definição da mitologia grega que fala de três situações engrenadas entre si. Diz primeiro como a Deusa viu o lula , quando menciona sua “sorte descabida”. Foi quando ele e sua quadrilha puderam entrar em nossa casa enquanto dormíamos um sono de 14 anos, desavisados, portanto. E nos roubaram sem que pudéssemos esboçar qualquer gesto de defesa. 

 

Em segundo lugar o texto grego fala da “presunção dos mortais”.

Por exemplo, ao se retirar do Palácio de Planalto com 17 caminhões cheios de candelabros, móveis, e talheres de ouro sem sequer esbarrar na estrada num posto da Polícia Federal. Foi quando lula se viu acima do bem e do mal. Vaidoso e prepotente pensou que esse seu destino não o abandonaria jamais. Dessa forma presumiu que igualmente se sairia bem dos assaltos à Petrobrás, e tantas outras atividades criminosas.

Se espojou na fortuna fácil, recrutando outros ladrões que passaram a fazer parte de sua guarda pretoriana. Então o lula pé-de-chinelo, eufórico, crescia e se dava importância.

 

No fim, Nêmesis fala da vingança dos “crimes extraodinários”.

Aqui, a Deusa aparece, impassível, decretando que a justiça finalmente compareça e como vingança quer que todos planos diabólicos do lula desmoronem.

Então, agora ele se torna um pária rico e possivelmente preso. Rouco e

perdido, vê sua verborragia, antes tão ameaçadora, transformada em fúria inútil, deblaterando para um público que lhe dá as costas em desprezo. 

É o tempo da humilhação.

 

A Deusa te espera no inferno, lula. 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Flagrante atentado à ordem pública

November 19, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square