© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Gilmar não suporta mais o Brasil

April 5, 2018

Após quase uma hora de arenga interminável e aborrecida, Gilmar Mendes, retirou suas asas de morcego e suspirando por ter cumprido sua missão, partiu aliviado para sua vida de devaneios em Portugal.

 

Nesse momento, passando do lado esquerdo de Cabo Verde,  repousa o traseiro de luxo em uma cara poltrona da Classe Executiva do vôo TAP0058,  enquanto visualiza em sua tela mental, vinhos raros e finos acepipes, que farão parte de sua dieta nos próximos dias e meses.

 

Como todo traidor que se preze, sua mente é livre de remorso ou de qualquer sentimento nobre para com o destino da nação brasileira.

Ele só pensa em poder e vinhos.

 

Vaidoso, começa a vislumbrar um futuro com lula reeleito e seu nome no hall da fama da Justiça, com direito a busto de mármore no corredor do Supremo Tribunal.

 

Gilmar, o Kid Bengala da chanchada política, passou a tarde de hoje estuprando a moralidade e a ética.

 

Com olhar maldoso e pingando veneno, falou sobre putas,  humilhou a imprensa, o cidadão e a nação e ainda na madrugada de hoje, calçando confortáveis pantufas de pele de marta, vai fumar um charuto, um bem alongado e liso Monte Cristo, vindo diretamente do paraíso cubano, onde abunda a democracia e a liberdade, segundo o imperador Lula.

 

Mas como nessa vida tudo possui um fundo de aprendizado, ficou para nós, o povo, uma lição bem clara: Gilmar Mendes odeia o Brasil e junto à ele, acompanham os políticos e grande parte da justiça suprema. Nosso destino é ser odiado pelos corruptos que chegaram ao poder com nosso voto.

 

A velocidade com que Gilmar correu para o aeroporto mostra que ele não suporta ficar um minuto a mais em solo brasileiro. Para ele, tudo aqui é insignificante, mesquinho, chulo e barato, igual à justiça que ele pratica. Em sua psique pervertida, o brasileiro merece isso porque é ignorante e vota nos piores candidatos. Tudo não passa de um castigo divino.

 

Ficar no Brasil, para ele é um suplício indigno e imoral, totalmente dessincronizado com as batidas de seu coração amargo. Ficar no Brasil que ele próprio ajudou a destruir é um sofrimento atroz para sua consciência, se é que ele ainda a possui.

 

Sua única tristeza é que amanhã em Portugal poderá chover.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

A Pandemia Covid-19 e a Nova Ordem Mundial

March 24, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square