© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Ideia antiga e trágica

April 9, 2018

Lula da Silva, antes de ser preso, declarou em seu discurso virulento que já não era um homem, era uma ideia.
Das incontáveis asneiras que esse homem proferiu durante anos, tenho que admitir que nessa afirmação ele foi certeiro.
Nada mais verdadeiro. Lula é realmente uma ideia.

O que ele se esqueceu de dizer é que é uma ideia velha.


Uma ideia gasta, parte da mesma retórica que em 1964 levou o país a um golpe de estado e a vinte anos de governo autoritário.
Em 1964, o grupo político que apoiava João Goulart foi afastado na marra do poder pelos militares. A intenção de Goulart, segundo a história, era levar o Brasil ao 'caminho do comunismo'.
Em 64, Golulart tentou declarar 'estado de sítio' no país, o que segundo militares e forças conservadoras, colocaria o país nas mãos de uma ditadura de esquerda.
A intervenção aconteceu, em 31 de março, e o resto se conhece.

Ditadura ou regime militar, como queiram.

 

A genética da esquerda e suas ações pelo mundo são conhecidas desde então e jamais mudaram.
À esquerda -quando expulsa do poder- sempre procurou o caos social, a desestabilização das instituições, o radicalismo e a guerrilha urbana ou não.
A origem da estratégia é sempre a mesma: Cuba, que se alia a agrupamentos espúrios como o Foro de São Paulo de Lula ou o Diálogo Interamericano de Fernando Henrique Cardoso, promove o caos onde lhe interessa.

 

Algumas vezes funciona, outras não.
Na Venezuela funcionou. 

Afastado Chavez, o boneco de Cuba, Nicolás Maduro, conduz o governo catastrófico que leva o povo à miséria e ao atraso, como o mundo pode ver.
Essa -em síntese- é a ideia que Lula representa e significa.

 

O Brasil, entretanto, é refratário a essa duvidosa dialética de esquerda, sinônimo apenas de atraso cultural, econômico e social.

Durante anos Lula aparelhou a justiça, que agora tenta salvá-lo no STF. A situação chega a um limite perigoso, com o STF ignorando solenemente a lei, a justiça e o que deseja a sociedade.

 

O general Luiz Lessa, entretanto, ex comandante militar do Leste e da Amazônia, deu há pouco um recado claro à nação:
'Se o STF continuar desafiando a sociedade brasileira nós corremos o risco - e aí a responsabilidade é toda do STF- de uma confrontação nacional.'
'Não vai ser resolvida na criação de leis de última hora.'
'Vai ser resolvida na bala'.


Como se pode ver, infelizmente a história parece se repetir.
O crédito -integralmente- é de uma ideia antiga e atrasada.
A ideia que é Lula.

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Ode aos babacas

December 5, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square