© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

O pavio está aceso.

May 6, 2018

Vi hoje, de novo, Frank Sinatra cantando o clássico New York-New York.

Não sei porque, aquilo me incomodou. Sei lá se foi a peruca rala dele, ou o exagero solene da gesticulação. A orquestra, com os mesmos acordes. Tudo sempre igual, repetitivo.

E ainda lembrei que o Frank disse, certa vez, que não aguentava mais que alguém pedisse New York para ele cantar. 

 

Enfim, vi o show dele como uma espécie de junk-food requentado. Mas não deu. Quando acabou de cantar fiquei parado, melancólico e me bateu um tremendo arrependimento de ter voltado ao Brasil depois de ter vivido tão bem em New York. Ahhhh...Por que desperdicei tantas oportunidades? Por que queimei tanto tempo, fosfato e grana aqui, botando esperança neste Brasil, um ralo sem futuro? Por que não vi a tempo o pavio aceso da bomba? 

 

Achei um dia, que um operário analfabeto poderia fazer aqui igual como na Roma antiga, quando o povo escolheu um simples camponês para liderar seu exército, numa guerra. E ele, glorioso, depois de vencê-la, voltou para pegar no arado.  

 

Acreditei nas promessas do operário que podia tirar o Brasil das mãos dos políticos ladrões. E depois acompanhei, meio catatônico  o desmoronamento do país. Quando saí da modorra, o Brasil estava sob o chicote da pior quadrilha já formada em todo o mundo.

 

Burro, eu. Quando vi, o formigueiro estava espalhado quilômetros ao redor do buraco inicial. Nunca vou me perdoar pela avaliação errada que fiz dos fatos. Mais de 14 milhões de desempregados agora, imagine.

O Brasil ameaçado pelo narco-comunismo tipo Venezuela. A justiça, manipulada. E incrível, ainda muita gente lamentando o ladrão na cadeia. 

 

Os sem cérebro nunca entenderam as consequências terríveis do petismo e sua criminosa máquina de corrupção. Vivemos no país da ignorância regurgitando mortadela. 

 

Agora só boto fé numa pesada mão que venha aplastrar os canalhas em sua farra, liquidando a corrupção que manda no Brasil. Cadeia serve para isso, prender criminosos.

 

Porque honestamente, deixando claro o que penso, nenhum país pode se declarar democrático com mais da metade de seus habitantes vivendo na pobreza e na ignorância.

 

Por favor, alguém diga isso enfaticamente  ao general Villas Boas. De guerra, ele deve entender.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Cracolândia em guerra

January 17, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square