© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

O suicídio cívico

June 10, 2018

O BAN,  elege até mesmo o faraó do Egito, mas estão fazendo as nossa cabeças para deixá-lo prosperar, retirando votos preciosíssimos que seriam, certamente da Direita. Foi assim que eles ganharam na Holanda, na França e na Alemanha, e é isso que eu vou demonstrar aqui.

 

Na Holanda 

1) O Guilders, candidato de Direita, foi acusado de extremista, populista, xenófobo, homofóbico, um louco.

2) A mídia, em toda a Europa, tratou de repetir isso à exaustão.

3) A maioria das pessoas de bem fugiu das urnas, acreditando na mídia.

O Partido que venceu, o VVD, obteve 31 das 150 cadeiras no Parlamento.

O PVV (Guilders) obteve 19 cadeiras, mostrando claramente uma ascensão da Direita, mesmo sob todo aquele fogo pesado partido da Nova Ordem Mundial.

O BAN 18% correspondeu ao equivalente a 27 cadeiras no Parlamento.

Nós já sabemos que quem não vota, e por todas as razões que conhecemos, é a Direita. Agora, é fácil fazer as contas: Se o BAN tivesse ido às urnas, o novo mandatário da Holanda seria o Guilders, com 46 cadeiras no Parlamento, bem mais do que o vencedor, que só conquistou 31.

 

Na França 

O Macron foi apresentado ao povo como de Centro-Direita, e a Marine foi acusada de extremista, populista, xenófoba, homofóbica, uma louca. Ainda arranjaram um novo qualificativo para ela, que pegou muito bem entre os franceses: neo-nazista. A mídia, amestrada, repetiu isso não mil, mas mil vezes mil vezes.

1) O Macron teve 66,10 % dos votos válidos, mas apenas 40,66 % do total de eleitores.

2) A Marine Le Pen teve 33,9 % dos votos válidos, e 26 % do total de eleitores.

BAN foi 25,44%, uma quantidade assustadora. É só fazer a conta: Se o BAN fosse às urnas, a Marine Le Pen teria ganho as eleições, com 51,64 % dos votos. De qualquer modo, a Le Pen ter ido para o 2º. Turno demonstrou a ascensão da Direita de modo inequívoco.

 

Na Alemanha 

O Partido AfD é a Direita, mas lá foi acusado de extremista, populista, xenófobo, homofóbico, formado por um loucos desvairados. A mídia, é claro, tratou de deixar isso bem claro para a população. Ganhou a Merkel, que lá é tratada como Conservadora, apesar de fazer parte da União Européia e ter aberto as fronteiras para o Islã. Ela venceu com 32,9 %.

O AfD, que jamais chegara ao Parlamento, com 13,1 %, conquistou cerca de 80 cadeiras, em demonstração inequívoca da ascensão da Direita, o que estremeceu todos os comentaristas políticos, que – na falta de outro argumento – agora dizem que não eram eleitores de Direita, mas sim “votos de protesto”.

Mas, vamos adiante:

BAN alcançou 27%. Já dá para ver o que seria o resultado, se o BAN (a Direita de beicinho) fosse transformado em votos: A Alemanha teria hoje, um Primeiro Ministro do AfD, com 40,1 % dos votos.

 

Então, eu vou repetir, para que fique bem gravado na cabeça de todos:

A arma que a Nova Ordem Mundial está usando para prevalecer sobre a Nova-Nova não é a fraude... É o BAN.

 

Por aqui, nós já podemos ver a Nova Ordem Mundial em ação.

Eu nem vou dizer os nomes, apenas farei perguntas sobre os fatos:

1) O candidato de Direita está sendo acusado de nazista, extremista, populista, xenófobo, homofóbico, tudófobo, enfim?

2) A mídia está, todo o tempo, enfatizando essa mentira, por meio de noticiários, filmes, novelas, entrevistas, revisão histórica enviesada?

Então, meus amigos, a Nova Ordem está pavimentando o caminho para lançar um Macron brasileiro e lançar as bases para que a Direita adote o BAN.

 

Finalmente, vocês conhecem pessoas que já disseram que não vão votar, ou vão anular o voto, ou mesmo danificar a urna eletrônica, se houver eleições?

Pois é... Como convencê-las de que estão cumprindo direitinho o papel que os Globalistas querem?

 

Digam um sonoro NÃO às 3 técnicas usadas contra nós.

1) Rechacem a “pecha” de extremistas que querem carimbar no candidato da Direita.

2) Reajam às mentiras da Mídia e das Pesquisas.

3) Vamos TODOS às urnas.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Cracolândia em guerra

January 17, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square