© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Caminha para conclusão o processo do sítio de Atibaia

June 12, 2018

Indicados por Lula como testemunhas de defesa no processo que responde com base nas reformas do sítio de Atibaia, foram ouvidos, entre outros, o ex-presidente Fernando Henrique e o escritor Fernando Moraes.

 

O que teria o primeiro a dizer sobre o sítio parece impossível definir. Por isso, as perguntas trataram de palestras e suas remunerações, Instituto FHC e seu custeio, reformas em prédios. Pautas paralelas aos casos de Lula, enfim. Aliás, paralelas, mas próximas. Tão próximas que os dois, Lula e FHC, podem se entender cochichando. E tão paralelas que os ingênuos supõem só se encontrem no infinito.

 

Já Fernando Moraes decidiu fazer de seu depoimento um ato de propaganda lulista, levando Sérgio Moro a interromper a audiência, advertindo-o de que se limitasse a responder perguntas. Fernando Moraes é personagem conhecido nos círculos esquerdistas, lulista fervoroso e inveterado assinador de manifestos tipo Lula Livre, Che Guevara Vive, Dilma é a Máxima, e Fidel Pode Fuzilar todo Mundo que eu Deixo.

 

O processo do sítio caminha para as etapas finais e acenderá mais luz sobre as trevas morais em que se arrastou o longo ciclo petista no governo da República.

 

*Percival Puggina é membro da Academia Rio-Grandense de Letras, arquiteto,empresário e escritor.Titular do site www.puggina.org

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

O bezerro de ouro e a liderança política

November 12, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square