© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Homem usa adesivo de Boulos para provar doença mental e estacionar em local proibido

June 13, 2018

Multado por estacionar em local proibido, um homem que não teve a identidade revelada usou um argumento inusitado para se livrar da reprimenda na manhã de hoje.

 

Ao ver um guarda de trânsito vindo em sua direção, o motorista, que estacionava sua BMW nas imediações do Bairro do Exu Caveira, na periferia da cidade de Lapão Roliço, disse ao agente que tinha direito de estacionar ali, pois era retardado.

 

O argumento, a princípio não levado a sério, foi reforçado com o fato do motorista ter colado um adesivo de Guilherme Boulos no para-choque dianteiro do carro.

 

“Ele disse, eu sou doente mental, eu sou retardado e posso estacionar em qualquer lugar”, disse o guarda de trânsito à nossa reportagem.

 

“O adesivo realmente é uma prova muito robusta da alegação dele, então eu não apliquei a multa”, concluiu o agente.

 

O Código de Trânsito Municipal de Lapão Roliço permite que pessoas com deficiência mental incompleta ou retardada dirijam veículos automotores sem precisar pagar IPVA, além de autorizar estacionar e qualquer lugar, inclusive sobre as calçadas, desde que o motorista ateste ser portador de doença mental.

 

* Sugerido por Alexandre Coimbra Gomes

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Renan Calheiros, a história de um pilantra

January 21, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square