© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

A trágica agenda Maria do Rosário

September 7, 2018

Estamos há 15 anos atolados na Agenda da Maria do Rosário e o que nos aconteceu nesse período? Somos um país mais ético, menos corrupto, menos homofóbico, com menos homicídio, menos estupros ?

É evidente que não! Todos esses indicadores das indecências humanas só aumentaram – e muito! – nesse período em que o partido da deputada, o indefectível PT, se manteve no poder.

Ainda em 2016, ou seja, há cerca de dois anos, o Brasil registrou o maior número de assassinatos de sua história – nada menos de sete pessoas foram mortas por hora no país, segundo o Anuário Brasileiro da Segurança Pública, que registrava também que, nesse ano, 61.619 pessoas sofreram morte violenta.

Coincidindo com o fim do mandato de Dilma Rousseff, em 2016 ocorreram doze assassinatos de mulheres e 135 estupros por dia, recorde dos recordes....

Já em 2017, entrando portanto no mandato do vice da chapa de Dilma, Michel Temer, 445 lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBTs) foram mortos em crimes motivados por homofobia. O número representa uma vítima a cada 19 horas.

O dado está em levantamento realizado pelo Grupo Gay da Bahia (GGB), que registrou o maior número de casos de morte relacionados à homofobia desde que o monitoramento anual começou a ser elaborado pela entidade, há 38 anos.

CORRUPÇÃO SEM CONCORRÊNCIA
Agora, pasmem! O dado mais impressionante patrocinado pela Agenda Maria do Rosário é o da corrupção: nunca se roubou tanto no país quanto nesse período em que o partido da deputada esteve no poder, incluindo, evidentemente, os dois anos do vice Temer ; o cálculo da ONU coincide com a estimativa feita pelos promotores da Lava Jato: a corrupção, em todos os seus formatos e valores, faz o Brasil perder R$ 200 bilhões por ano, um dinheiro que permitiria ao país ter, por exemplo, um sistema de saúde pública exemplar.

Mas afinal, esse período tenebroso da nossa história nos traz algum ensinamento? Traz sim e o maior deles é que não se implanta uma nova agenda ao estilo Maria do Rosário, isto é, no grito...Não se implanta uma nova agenda vendo estuprador sem estupro, vendo homofonia em quem não é homofóbico; vendo racismo onde não há racismo; vendo torturador sem tortura...

Uma nova agenda se implanta pela escola desde o ensino básico, onde as crianças devem aprender a respeitar não apenas o próximo mas sobretudo o velhíssimo conceito, cada vez menos usado, de que a liberdade de cada um termina onde começa a liberdade do outro....

É fundamental ainda saber que uma nova agenda só poderá ser implantada com atitudes e bons exemplos, com o que a deputada e seus pares nunca se preocuparam...

Quem tiver curiosidade, pesquise as planilhas de propinas da Odebrecht ! Nela, vamos encontrar o nome da deputada escondido atrás de um pseudônimo impregnado de ironia: Solução, quando, para defini-la, deveria ser acrescido do prefixo “anti”...

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Pelé,Xuxa e Greta Thunberg

December 13, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square