© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Até fio desencapado

October 19, 2018

O candidato derrotado e em vias de sumir na enchente dos votos pró Bolsonaro, no segundo turno das eleições presidenciais, está desesperado,

Já copiou e repetiu trechos das propostas do vencedor e  abandonou o programa de visitas à carceragem da Polícia Federal em Curitiba, onde ia aconselhar-se com seu  grande Guru, não se sabe se por inciativa própria, muito pouco provável, ou por rejeição do mais famoso apenado do Brasil. 

Segue modificando seus planos. Assim, desistiu de fazer uma constituinte, saiu correndo para acender uma vela para os fiéis de várias vertentes religiosas, já se desmentiu, enfim, segue se debatendo e tremelicando tal como um lambari pego num anzol mosquito...

 

Assistimos o fracasso de uma campanha pífia, baseada na certeza da ingenuidade dos eleitores, e  na pequena capacidade de convencer de um político que fracassou em sua experiência administrativa, cravando o título de pior prefeito da maior e mais rica cidade do País.

 

O clamor – Fora PT, ecoa de norte a sul.

 

Mas ainda é cedo para que o vencedor do primeiro turno afrouxe a  guarda e deixe que os cupins e baratas, além dos escorpiões e aranhas que infestaram o cenário político todos esses anos, recomecem a contaminação em vias de se extinguir.

O titular da finada candidatura fala sobre a criação de empregos e renda, a retomada de obras inacabadas, a ativação dos estaleiros, enfim um discurso incrível, mirabolante como se fosse possível  voltar no tempo, e recarimbar as devastadoras loucuras econômicas que os governos  do seu partido fizeram.

 

A palestra com os advogados foi simbólica.

Ali estavam presentes os grandes causídicos, que estão aproveitando a safra extraordinária de delinqüentes dos mais diversos matizes. Corruptos, prevaricadores, ladrões  do dinheiro da Viúva, lavadores  financeiros, ou seja, uma clientela invejável, enorme e  generosa com todas as Bancas. Não são  os conhecidos rábulas  “portas de cadeia “ são professores e doutores da Magistral Ciência. São guardiões das portas da Justiça.

A TV mostrou o encontro do “dos delitos e das penas” com os seus mais distinguidos defensores.

 

A rodada final esta próxima.

A caixa de pregos está aberta,o martelo serenamente erguido,  o féretro forrado com a urucubaca negra da derrota petista aguarda a tampa sem janelinha. Está chegando  a hora de ser colocada.

O PT  morreu.

 

Dia vinte e oito de outubro a República começará a sentir os efeitos da decisão correta tomada pelo povo. 

O espetáculo sinistro do esvaziamento das gavetas, da queima da papelada  incriminante, a corrida para os aeroportos internacionais não deverá ser nenhuma surpresa.

Não há mal que sempre dure nem dor que não se cure.

Não adianta nada tentar pegar em fio desencapado. 

A casa caiu. Pinote geral.

O jargão bandido explica melhor o que vai acontecer.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Flagrante atentado à ordem pública

November 19, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square