© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Marolas que viram tsunamis

March 9, 2019

O escritor e filósofo italiano, Umberto Eco, já disse, em 2015, que as redes sociais deram voz a uma legião de imbecis, que hoje têm o mesmo direito à palavra de um Prêmio Nobel..... Eco não viveu o suficiente para observar o que ocorre hoje no Brasil, onde os imbecis aparecem aliados aos oportunistas, mistificadores, fisiológicos e trapaceiros para bater num governo cujo pecado é tentar corrigir a bagunça – institucional, moral e ética – que ameaça transformar o Brasil numa segunda Venezuela do Continente...

A turma do #elenão se juntou às esquerdalhas e aos corruptos de todos os tamanhos, e como num cordão sem ponta pelo chão esparramado, não param mais de inventar “factoides ridículos” com o propósito já confessado de desestabilizar o governo que mal começou...

Nas redes sociais, dentro desse movimento pusilânime, marolas se transformam em tsunamis; simples rodamoinhos viram tornados; minuanos viram furacões – essa é a tática que já se mostra implacável...

CAFÉ PEQUENO
Primeiro, bateram forte no Caso Fabrício Queiroz; depois, no Caso Bebianno e agora já temos em curso mais quatro “furacões” – a demissão de Ilana Szabó pelo Ministro Sergio Moro (recomendação do presidente); a demissão do embaixador Paulo Roberto de Almeida pelo chanceler Ernesto Araújo; as imagens de cenas pornográficas, captadas da realidade carnavalesca do país e publicadas em seu twitter pelo presidente Jair Bolsonaro, e, por último, a frase sobre o papel das Forças Armadas na Democracia... (Que ninguém duvide que o próximo “tornado” será o dos gastos no cartão corporativo do presidente ainda que os valores tenham caído substancialmente em relação aos dos presidentes anteriores e o cartão de Bolsonaro tenha sido usado para carregar alguns gastos de Michel Temer e também despesas com a posse).

Isso tudo ainda é café pequeno perto do que está por vir quando for iniciada a discussão sobre a tão sonhada Reforma da Previdência, cuja aprovação será decisiva para a estabilidade do novo governo...

TÁTICA MANJADA
A tática é manjadérrima ! Pegam assuntos que emergem nas redes sociais, acrescentam versões e opiniões muitas vezes estapafúrdias e ajudam a propagar – e a marola vira tsunami (“No século 21, é o fluxo de atenção, não a informação, que importa” - Zeynep Tufekci - Professor associado da Universidade da Carolina do Norte).

Passemos os olhos em cada uma dessas ”tsunamis” e vejamos que vento elas sopram:

- Por exigência de Jair Bolsonaro, Sérgio Moro demite a cientista política Ilana Szabó alguns dias após tê-la contratado como suplente no comando do Conselho de Política Criminal e Penitenciária. Os internautas que apoiam o presidente (#foraSzabó) fizeram campanha contra ela por ter-se manifestado contra a política de flexibilização do uso de armas, uma das vigas de sustentação da plataforma de Bolsonaro... digo que é natural que tenha sido assim e defendo seja colocada para fora do governo toda e qualquer pessoa que se colocar contra vigas de sustentação da plataforma presidencial... e sem alarde...

- Ernesto Araújo, chanceler, exonerou o embaixador Paulo Roberto de Almeida do cargo de presidente do Ipri (Instituto de Pesquisa de Relações Internacionais). "Foi um gesto autoritário”, reagiu o demitido puxando o coro das vozes oposicionistas...digo que ele fez o que o seu cargo autoriza fazer e digo que o fez muito bem: o diplomata esqueceu-se de que, antes de tudo, é um servidor público de uma instituição sensível, na qual deve ter uma carreira marcada pela discrição.... Paulo Roberto tem um blog e quis usá-lo para polemizar... diria que “se suicidou-se”....

REALIDADE QUE "CHOCA"
- Jair Bolsonaro publica em seu twitter imagens de carnavalescos que ameaçavam transformar blocos de rua em bacanal.... uma jornalista lá da Bahia escreveu no facebook um texto indignado porque sua filha de 13 anos poderia ter visto... vê-se por aí que o combate sem tréguas ao novo governo é feito também de muita hipocrisia... afinal, se ela não impede sua filha de acompanhar o twitter do presidente, como vai saber se a menina não vê sexo explícito com apenas um clic no computador ?

- Ainda temos a declaração do presidente ao discursar, de improviso, (07-03) numa cerimônia militar no RJ: “ ... democracia e liberdade existem quando as Forças Armadas querem”... ele mesmo, em live, explicou horas depois o que realmente quis dizer: como guardiãs da Democracia, as Forças Armadas zelam pela integridade do regime.... qualquer pessoa de bom senso conseguiu captar o sentido oculto da frase, mas o clima em vigor é feito de muita impiedade...

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Flagrante atentado à ordem pública

November 19, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square