© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

O semi deus toffoli e o pé na bunda

August 14, 2019

Janaína Paschoal é boa de impeachment.
Dilma Roussef, apeada do poder por ela, que o diga.
Agora, a deputada articula o impeachment do delirante presidente do STF, o auto proclamado semi deus Toffoli.
Janaína já protocolou, na semana passada, o pedido de afastamento de Toffoli, e hoje se reuniu em Brasília com 13 senadores, no gabinete de Lasier Martins, do Podemos.
A pauta da reunião é articular o pé na bunda de Toffoli.

Já na semana passada, Alcolumbre, em cima do muro, se recusou a receber o grupo de senadores que o pressionam para encaminhar o pedido.

Outros politicos, como Jorge Kajuru, Do Patriota, já tem em mãos outro pedido de afastamento, desta vez para o arrogante juiz especializado em soltar bandido e comparsa, Gilmar Mendes.

O pedido de impeachment de Toffoli feito por Janaína se baseia na suspensão feita por ele de todos os processos judiciais envolvendo dados do Coaf e Receita Federal autorizado somente por ele próprio e alguma entidade divina desconhecida por todos.

Toffoli, evidentemente, é incapaz de ocupar a cadeira onde foi colocado pelo pulha luladasilva, em 2007.
Hoje, quando ameaça a nação com a soltura "de supetão" do chefe, fica mais perigoso do que nunca.

Como constata Janaína, o gajo não dá satisfação a ninguém de seus atos arbitrários.
Age realmente como um semi deus impune de uma tribo analfabeta e manipulada.

O problema -para ele- é que o Brasil já deixou de ser essa tribo há muito, se é que foi um dia.
A rejeição da sociedade a tipos como ele, Gilmar ou Lewandowski cresce a cada dia.

Em breve, ele descobrirá que não é nenhum semi deus.

E que na verdade jamais deixou de ser aquele advogadozinho do PT, lá pelo ano de 1993.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Um táxi chamado Brasil

February 25, 2020

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square