© Todos os direitos reservados

Re-União 2017

Mar repleto de tubarões à moda grega

November 2, 2019

Ontem, ao escrever sobre o vazamento de óleo na costa brasileira, falei sobre as possíveis conexões diplomáticas, financeiras e tubarões que tornariam complexas as investigações.

 

Hoje foi anunciado que o navio apontado como lançador de óleo é o Bouboulina, pertencente à mesma empresa acusada por Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras e importantíssimo delator da Lava Jato, de pagar milhões em propinas para obter contratos bilionários com a estatal.

O corruptor encarregado pela empresa Delta Tankers, dona do navio (e de muitos outros), é ninguém menos do que o ex-cônsul da Grécia no Brasil, Konstantinos Kotronakis, impedido por Sergio Moro de deixar o país desde 2017, por conta da operação.

 

Mas as questões diplomáticas não param por aí.

O ex-embaixador grego no Brasil, Kyriakos Amiridis, foi assassinado no Rio de Janeiro, em dezembro de 2016. Seu corpo foi encontrado, carbonizado, debaixo de uma ponte em Nova Iguaçu. A mandante do crime teria sido a própria esposa brasileira, que mantinha caso com um jovem PM e miliciano. A tripulação do Bouboulina, por sua vez, incluindo seu criminoso comandante, deve ter recebido muito dinheiro para calar o bico.

 

Portanto, é grande a quantidade de barbatanas de olho na investigação. Alguém convoque Netuno e Posseidon, já que nem o Greenpeace vai ter coragem de se meter com tubarão.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Futurologices

November 14, 2019

1/10
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square